Vamos Ler - Leitura e publicação gratuita de poesias
Veja também: Explorando e Aprendendo | RapiDicas | Sou Balada

2008-01-09

Bendita Paz

Bendita Paz / Drákulla r. dark'ni

A imensidão me faz rogar o espírito já concluído nas expiações.

Que sangue no entanto, não verto, quando esqueci-me de rogar ao Pai, que as provações findassem...

A Sombra ensinou-me tomar uma cruz nas horas estas, e murmurar solene mas humilde, somente um sonho com o fim. Não ensinou-me ela rogar...

Sou feliz. Absorta constante na física da alma minha, estou pra sempre com Christu e meu Pai. O Amparo Creador quando não conseguia estancar em jeito algum, os sangues que me escorriam.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Publique gratuitamente seus textos nesse site! Saiba mais.

Últimas Dicas do Explorando e Aprendendo

Música eletrônica de graça no www.soubalada.com